Em solenidade realizada no dia 18 de fevereiro, às 9 horas, no auditório Cantidiano Vieira Machado, foi empossada a diretoria da Associação dos Procuradores do Estado de Sergipe – Apese. A chapa “Apese: União e Atuação” eleita pela classe com 88% dos votos vai gerir a instituição no biênio 2010-2011. A posse contou com a presença do procurador-geral do Estado de Sergipe, Márcio Leite de Rezende; do presidente da seccional Sergipe da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SE), Carlos Augusto; do diretor geral da Fanese, Ionaldo Vieira Carvalho, dos ex-presidentes da Apese, Flávio Medrado, Arthur Borba, Carlos Monteiro e Cantidiano Vieira Machado, além dos membros da nova diretoria e demais procuradores do Estado, entre outras autoridades.
                O novo presidente, o procurador de Estado Pedro Durão, diretor nacional do IBAP, destacou no discurso de posse a missão da nova gestão, que é consolidar a independência do Procurador do Estado. Só assim podemos garantir que a classe possa exercer suas funções com a dignidade do verdadeiro operador de direito”, disse, ao acrescentar que é preciso entender que o procurador do Estado tem o relevante papel de defender os interesses da coletividade e da proteção dos bens públicos.
                Pedro Durão enfatizou ainda que entre os desafios a ser alcançados estão: a busca de um patamar remuneratório adequado, a respeitabilidade e independência do procurador no exercício das atividades e a melhoria do espírito associativo.
                Segundo o presidente, algumas ações já vêm sendo desenvolvidas no sentido de integrar ainda mais a classe. “Nós já estamos viabilizando um novo site a fim de integrar mais os colegas”, afirmou, ao revelar que na sua gestão também vai ser dada uma atenção mais destacada a Escola Superior da Apese, para que por meio de parcerias com instituições de ensino superior e demais órgãos, seja possível desenvolver cursos de extensão, entre outros eventos na área de capacitação profissional.
                A recém-empossada diretoria tem à frente o procurador do Estado Pedro Durão, no cargo de presidente; Paulo Modesto dos Passos na vice-presidência, Túlio Cavalcante Ferreira na função de secretário-geral e Augusto Carlos Cavalcante Melo como tesoureiro. O Conselho Deliberativo da entidade é composto pelos procuradores do Estado Antônio Melo de Araújo, Gilda Boa Morte Café, Leo Peres Kraft e Marcelo Aguiar Pereira; integram o Conselho Fiscal, os procuradores Joel de Oliveira, Micheline Marinho Soares Dantas, Kátia Kelen Souza dos Anjos e Paulo de Albuquerque Pontes Júnior (suplente). Há ainda os Departamentos de Direção: Eventos Sociais e Culturais, composto pela procuradora do Estado Lícia Maria Alcântara Machado; Responsabilidade Social e Direitos Humanos, que tem à frente o procurador do Estado Carlos Antônio Araújo Monteiro; Jurídico e Legislativo, composto pelos procuradores do Estado: Pedro Dias de Araújo Júnior e Gervásio Fernandes de Serra Júnior; Divulgação, que tem à frente o procurador do Estado José Carlos Macedo dos Santos; Esportivo composto pelos procuradores do Estado Ronaldo Ferreira Chagas e Vladimir de Oliveira Macedo; e de Benefícios e Convênios, que tem à frente o procurador do Estado Gaspar Fontes de Faro. Coordenam a Escola Superior da Apese, os procuradores do Estado Rita de Cássia Matheus dos Santos Silva, na Coordenadoria Administrativa; Agripino Alexandre dos Santos Filho, na Coordenadoria Administrativa Adjunta; Kleidson Nascimento dos Santos, na Coordenadoria Científica e Eugênia Maria Nascimento Freire, na Coordenadoria Científica Adjunta
.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *