Pelo segundo ano consecutivo a Advocacia-Geral da União (AGU) adere à campanha mundial “Hora do Planeta”, promovida contra o aquecimento global. Neste sábado (26/3), entre 20h30 e 21h30 (horário de Brasília), várias pessoas e entidades do mundo vão apagar as luzes em ato simbólico para demonstrar a preocupação com o meio ambiente.
A AGU vai demonstrar seu compromisso com a redução das próprias emissões de gases estufa, respondendo assim aos apelos de preservação ambiental no atual contexto de aquecimento global que aflige o planeta. Além disso, a Advocacia-Geral atua diretamente para manter a preservação do meio ambiente em ações conjuntas com o Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).
Em 2011, o primeiro minuto da Hora do Planeta é dedicado às vítimas da tragédia de fenômenos naturais, como o terremoto e tsunami no Japão e as enchentes no Brasil e na Austrália. Em todo o mundo, 3,8 mil cidades de 130 países foram mobilizadas. Na AGU, 246 unidades participam da mobilização.
A Hora do Planeta é uma forma que a organização não-governamental WWF encontrou para sensibilizar a sociedade sobre a preocupação com o aquecimento do planeta. No Brasil, o desmatamento e as queimadas são as principais fontes de emissão de gases de efeito estufa, responsáveis pelo aumento da temperatura. Durante o movimento o site da AGU ficará fora do ar.

A3P
A adesão à Hora do Planeta está inserida nas ações da Agenda Ambiental (A3P) da AGU, que por meio de medidas e campanhas de conscientização visa diminuir o impacto ambiental gerado pelas atividades cotidianas da Instituição.
As ações desenvolvidas pela a Advocacia-Geral têm enfoque na economia de energia e água, na redução da aquisição e consumo de materiais poluentes e na implantação da coleta seletiva. A Instituição também promove educação ambiental com palestras, seminários e oficinas nas unidades de todo o país.
A AGU ainda dá preferência às licitações sustentáveis, que possibilitam a aquisição, pela Instituição e outros órgãos federais, de produtos melhores para o meio ambiente. Para isso, está participando de diversos eventos para discutir o tema e divulgar aações já em andamento.

Uyara Kamayurá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *