Coquetel de lançamento da Revista PUB é um sucesso em São Paulo

O lançamento da Revista PUB n. 1 na noite de ontem, 13 de abril de 2016, na sede do Sindiproesp, foi a coroação de um trabalho que teve início no segundo semestre de 2012. Ao evento acorreram os diretores do IBAP Belisário dos Santos Junior, Clério Rodrigues da Costa, Guilherme José Purvin de Figueiredo, Lindamir Monteiro da Silva e Marcos Ribeiro de Barros, além de Derly Barreto e Silva Filho, que é também presidente do Sindiproesp. Tivemos ainda a presença de colaboradores desta edição inicial, tais como o consagrado escritor Roniwalter Jatobá (prêmios Casa das Américas e Jabuti), o artista plástico e contista Gavin Adams, a promotora de Justiça e cronista Inês Amaral Büschel, além de diversos associados – o ex-vice-presidente do IBAP e hoje advogado Rogério Emílio de Andrade, a defensora pública Flávia D’Urso, a advogada da Sabesp Regina Helena Picolo Cardia e o associado Nilton Carlos Coutinho que, na oportunidade, foi agraciado com prêmio oferecido pelo Sindiproesp por sua monografia sobre advocacia.

Convidado pelo presidente do Sindiproesp para falar sobre o lançamento da PUB, Guilherme José Purvin de Figueiredo improvisou algumas palavras sobre alguns dos nomes mais expressivos da Literatura Brasileira, com especial ênfase para a Procuradora Autárquica paulista Lygia Fagundes Telles (IPESP), que este ano é indicada para o Prêmio Nobel de Literatura, dos Procuradores do Estado Campos de Carvalho (autor dos clássicos “A Lua Vem da Ásia” e “O Púcaro Búlgaro”, dentre outros romances) e Augusto de Campos (autor de “Viva Vaia” e fundador, com Haroldo de Campos e Décio Pignatari, do movimento de poesia concreta), além dos “novos” – de A a Z, Ada Pellegrini e Zelmo Denari. Falou ainda da relevância desta parceria entre IBAP, Sindiproesp & APEP e da abertura de pauta para a elaboração do volume 2, que já começa a receber algumas colaborações.

O Sindiproesp, que ontem fazia aniversário, ofereceu um coquetel e jantar aos convidados, tudo ao som de um excelente conjunto de chorinho. Deixa-se ainda registrada a presença do procurador do Estado Armando Marcondes Machado, de 92 anos de idade, fundador da UEPE e do Sindiproesp, que fez uma pitoresca palestra sobre a história da entidade anfitriã.